Rebimboca!

Desafio 2014-12-08-card 5Rebimboca é um jogo que explora a dinâmica de administrar uma oficina mecânica.

É uma situação bastante comum, que todos conhecemos: o empreendedor abre um negócio e começa trabalhando sozinho.

Faz de tudo um pouco – atende, vende, administra, paga as contas, recebe os pagamentos, compra produtos e equipamentos. Se tiver sorte, habilidade e condições favoráveis, poderá evoluir.

Com a evolução, irá estabelecer processos, fazer investimentos, contratar ajudantes, fazer a gestão das pessoas.

Agora imagine você neste lugar: é preciso oferecer novos serviços, atender bem as demandas e coordenar a gestão de pessoal. Com a empresa se desenvolvendo, é preciso contratar supervisores e investir em funcionários mais instruídos, que tornem o processo de execução do serviço mais eficiente. E lidar com o dinheiro que entra e sai, mantendo saudável o fluxo de caixa.

O objetivo é acumular R$ 1 milhão em caixa em um prazo determinado. Que desafio!

O jogo Rebimboca faz parte do Desafio Universitário Empreendedor. Vá lá jogar também.

Curiosidade

O nome do jogo, Rebimboca, vem de uma antiga piada, onde o mecânico “esperto” (no mau sentido) usava a expressão para “enrolar” o cliente que não entende nada de automóveis:

– Dona, o defeito é na rebimboca da parafuseta!

Claro que esta peça nunca existiu e a prática de confundir o cliente com frases técnicas não leva a lugar algum. Já profissionalismo, transparência e boa gestão, sim!

………………..

Saiba mais sobre gestão em oficinas mecânicas: Era uma oficina muito engraçada, não tinha teto, não tinha nada.

Capa_youtube_clara

Era uma oficina muito engraçada, não tinha teto não tinha nada

Desafio 2014-12-08-card 4Era uma vez uma oficina, que começou há mais de dez anos, de forma simples, nos fundos de casa. Um negócio de família.

Só que o tempo passou e a oficina não tinha ainda uma estrutura boa para receber os clientes.

Era ainda meio torta: nos cantos tinha material sem uso empilhado. A parte administrativa uma bagunça e planejamento não tinha não.

Até que um dia o dono da oficina se inscreveu para participar de um programa do Sebrae, que atendia grupos de outros donos de oficinas com problemas parecidos. Foi o melhor que poderia ter feito: conseguiu identificar o potencial da empresa e trabalhou para minimizar os seus pontos fracos.

Como acabar com os pontos fracos?

Foi só seguir as melhores práticas de gestão para a qualidade em prestação de serviços automotivos. Ou seja – organizar o ambiente, estruturar a gestão de pessoas, sistematizar documentos, padronizar ferramentas, reorganizar o layout do ambiente e se preparar para melhor atender os clientes, com processos claros. Resolvendo isso, a empresa é outra.

A história aconteceu de verdade. E repare no comentário da esposa do dono da oficina, que também toma conta do negócio. Ela disse que houve uma mudança de percepção muito importante:

– Nossa mentalidade mudou com a capacitação. A atualização e o aprimoramento de práticas de gestão são fundamentais.

……………..

Quer jogar uma situação como essa, sendo você o dono de oficina? Conheça o Rebimboca.

Se quiser saber mais, leia Como montar uma oficina mecânica, do Sebrae.